Array

Linda, Mara e presa de novo

- Publicidade -

O juiz Ralph Manhães, responsável pela 100ª Zona Eleitoral (ZE), decretou a prisão domiciliar de Linda Mara Silva (PTC), ex-secretária particular de Rosinha Garotinho. Para o juiz, o principal motivo de Linda Mara ter a prisão domiciliar decretada é o fato de que ela ficou foragida quando teve o pedido de prisão preventiva decretada e ainda usou artifícios para prejudicar o andamento do processo, como “participando, inclusive, de trama para que houvesse a gravação forjada de áudio de testemunha da peça policial em questão, e ainda recebeu e repassou ordens para destruição de provas”.

O juiz ainda decretou que todos os réus estão proibidos de deixar a Comarca por mais de oito dias, sem autorização judicial prévia. Além disso, os vereadores Thiago Virgílio (PTC), Jorge Rangel (PTB) e Kellinho (PR) estão proibidos de entrarem na Câmara de Vereadores de Campos, e todo devem ter o mandato suspenso até o final do processo.

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS