Array

Aécio Neves: crises de choro, goles de uísque e conversas com advogados

- Publicidade -

Após o presidente da JBS, Joesley Batista, revelar gravação em que Aécio Neves pede R$ 2 milhões ao empresário sob a justificativa de que precisava do dinheiro para pagar sua defesa na Lava Jato, o parlamentar se viu afastado do Senado e da presidência de seu partido, o PSDB. Além disso, sua irmã e braço direito, Andréa Neves, foi presa, o que afetou mais ainda Aécio.

Segundo a revista “Veja”, “desde o minuto em que soube das gravações até a noite de quinta-feira, Aécio alternou crises de choro, goles de uísque e conversas com advogados. Atendeu a poucas ligações e ignorou até mesmo telefonemas de assessores próximos”.

Uma das maiores preocupação agora é com Andréa. De acordo com a revista, Aécio mobilizou advogados e amigos em busca de um meio de libertá-la. No telefonema que deu ao ex-ministro do STF Carlos Velloso, chorou. “Ela é quase uma mãe para mim”, disse.

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS