Professora morre após ter mais de 70% do corpo queimado em churrasqueira

PUBLICADO EM

- Publicidade -

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Uma professora morreu nesta terça-feira (2) depois de ficar com 70% do corpo queimado em um acidente com churrasqueira, em Ponta Grossa (PR).

- Publicidade -

Maria Osséia dos Santos Dias, 57, se queimou ao acender a churrasqueira com o filho. O fogo se alastrou após o uso de álcool e tomou conta do corpo da mulher. O acidente ocorreu em festa de final de ano com a família na sexta-feira (29).

A chama queimou cerca de 70% do corpo de Maria A vítima foi levada para o chuveiro pelos próprios familiares e em seguida o Corpo de Bombeiros chegou ao local.

Ela foi levada ao Hospital Regional de Ponta Grossa em estado grave, mas não sobreviveu. O filho, Leandro Dias, ficou com ferimentos nas mãos, mas não precisou ser hospitalizado.

Maria Osséia era professora de música na UEPG (Universidade Estadual de Ponta Grossa) e deixa três filhos. “Fica para sempre a lembrança da grande musicista, da brilhante cantora e, acima de tudo, da mestra generosa que me fez acreditar que eu podia cantar e tocar”, escreveu uma de suas alunas.

Maria Osséia dos Santos Dias, 57, se queimou ao acender a churrasqueira com o filho 

- Publicidade -

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS