Médicos dão alta a jovem por acharem que mentia; morreu de overdose

PUBLICADO EM

- Publicidade -

A polícia optou por divulgar os últimos minutos de vida de Jean DesCamps, um jovem de 26 anos que foi admitido em um hospital nos EUA com uma overdose e, surpreendentemente, teve alta, pois acreditava-se que ele estava apenas brincando.

- Publicidade -

Conforme reportado pelo NY Post, o médico que o atendeu interpretou a situação como uma brincadeira e chamou a polícia para lidar com o ocorrido.

DesCamps foi internado em 26 de dezembro no Providence Milwaukie Hospital, alegando ter consumido drogas. No local, recebeu um banho, antibióticos para infecções e uma dose de Narcan para “intoxicação leve por opiáceos”, mas não foi solicitado um relatório toxicológico ou exame de detecção de drogas.

Os médicos decidiram dar alta ao jovem, chamando a polícia para removê-lo, pois ele se recusava a sair. As autoridades questionaram a equipe médica, alegando que o jovem não estava bem, enquanto os profissionais afirmavam que ele estava simulando os sintomas.

Os policiais, desconfiados, optaram por levá-lo a outro hospital, onde perceberam que Jean estava sem pulsação ao chegar. O Gabinete do Médico Legista determinou que DesCamps faleceu de overdose de drogas e causas naturais.

Os policiais foram inocentados de qualquer crime relacionado à morte, conforme informado pelo Gabinete do Procurador-Geral. O Providence Milwaukie Hospital anunciou que está revisando e fortalecendo seus procedimentos de cuidados aos pacientes.

Leia Também: Mulher que estava grávida é libertada após ser feita refém por 4 anos

- Publicidade -

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS