Ataque homofóbico em São Paulo: "Saí da padaria com o nariz sangrando"

PUBLICADO EM

- Publicidade -

A polícia está investigando um caso de homofobia que ocorreu na madrugada de sábado, dia 3, em uma padaria em São Paulo.

- Publicidade -

Um vídeo que mostra uma mulher, identificada como  Jaqueline Santos Ludovico, proferindo ofensas homofóbicas e agredindo um casal de homens que chegava ao estabelecimento após uma festa viralizou nas redes sociais. De acordo com a CNN Brasil, o caso está sendo investigado pela Polícia Civil como “preconceito de raça ou cor” e “lesão corporal”, e exames para possíveis lesões nas vítimas foram solicitados.

Em uma entrevista à CNN Brasil, uma das vítimas, Rafael Gonzaga, descreveu o incidente como um pesadelo. Ele relatou: “Ninguém merece passar por uma situação dessas. Ninguém merece viver o que vivemos. Eu estava feliz, só queria descansar e cheguei em casa com o rosto ensanguentado. Saí da padaria com o nariz sangrando”.

Rafael explicou que a confusão começou quando tentou estacionar o carro no estabelecimento, e a mulher tentou impedir. Ela colocou-se à frente do veículo, empurrou o retrovisor e proferiu insultos homofóbicos. Depois de ser contida pelo acompanhante, ela continuou com os xingamentos.

Posteriormente, ela arremessou um cone de trânsito em direção ao casal, e a agressão física continuou dentro da padaria. As vítimas afirmam terem sido chutadas e agredidas pela mulher, que proclamava: “Sou homofóbica mesmo, sou da família tradicional, tive educação, não sou igual”.

Em seguida, Jaqueline atacou uma das vítimas no rosto com unhas e socos, ameaçando resolver a situação com uma arma que alegava ter no carro. A polícia foi chamada, mas a mulher não foi encontrada em flagrante.

Casal denuncia ataque homofóbico em padaria no centro de São Paulo.

Vídeos: Reprodução/Internet#Homofobia #Crime #ODia pic.twitter.com/oRRfEOwSuk

— Jornal O Dia (@jornalodia) February 7, 2024

Leia Também: Irmã surpreende irmão com presente emocionante que “homofobia roubou”

Agressora disse que era de uma “família tradicional” e que “os valores estão sendo invertidos”. 

- Publicidade -

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS