"Foi um horror absoluto": passageiro alemão morre em voo da Lufthansa

PUBLICADO EM

Um passageiro alemão morreu, na quinta-feira, a bordo de um voo da Lufthansa que fazia a ligação entre a Tailândia e a Alemanha. O homem sangrou da boca e do nariz, deixando os restantes passageiros horrorizados. 

- Publicidade -

“Foi um horror absoluto, todos estavam aos gritos”, disse uma das pessoas que seguia a bordo da aeronave.

Quando embarcou, o homem apresentou-se visivelmente doente, com “suores frios” e “respirando muito rápido”. A mulher da vítima, que o acompanhava na viagem, afirmou que o estado do homem se devia ao fato de terem corrido para conseguirem embarcar no avião. 

Apesar disso, uma enfermeira que ia viajar no mesmo avião observou o homem e percebeu que ele precisava ser examinado por um médico. De acordo com o New York Post, um médico polonês chegou a analisar o homem, mas garantiu que tudo estava bem. 

O passageiro chegou a beber um chá de camomila, mas em seguida cuspiu sangue. Nesse momento, começou a sangrar do nariz e da boca. O homem esteve cerca de meia hora perdendo sangue e o óbito acabou por ser anunciado mais tarde pelo piloto.  

“Estava um silêncio absoluto a bordo”, comentou uma passageira. A tripulação retirou o corpo do homem para uma área mais reservada do avião. 

A aeronave regressou depois à Tailândia. Os passageiros tiveram de esperar duas horas sem qualquer orientação da companhia aérea, que garantiu depois um novo voo para a Alemanha, com escala em Hong Kong. 

Leia Também: Milei não conseguiria adaptar modelo de Bukele na Argentina, dizem especialistas

- Publicidade -

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS