Governador Zema presenciou acidente de avião da PF na Pampulha

- Publicidade -

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), vivenciou um momento dramático na tarde desta quarta-feira (6) ao presenciar a queda de um avião da Polícia Federal no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. O acidente resultou na morte de dois ocupantes da aeronave e deixou um terceiro ferido.

Zema estava na pista do aeroporto se preparando para decolar em direção a Brasília, onde teria um encontro com o presidente Lula (PT) e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Em uma coletiva de imprensa realizada após a reunião, o governador descreveu o episódio com pesar e prestou homenagem às vítimas.

“Tivemos um dia triste em Minas Gerais. Enquanto nosso avião estava taxiando, presenciamos aquele acidente próximo a nós. Vimos a fumaça que se elevava do local, a uma curta distância. Me solidarizo com a Polícia Federal e com os familiares das duas vítimas. É um dia triste devido à perda de dois funcionários públicos num acidente trágico. Os nossos bombeiros chegaram prontamente, apagaram as chamas e resgataram o único sobrevivente, que está hospitalizado. Quero aqui reconhecer o heroísmo do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais”, declarou Zema.

As causas do acidente ainda estão sendo investigadas pelas autoridades competentes.

 

O acidente resultou na morte de dois ocupantes da aeronave e deixou um terceiro ferido 

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS