Mais de 1.500 imóveis visitados no segundo Faxinão da Dengue no Parque Esplanada

Foram visitados 1.723 imóveis, com 384 deles recebendo tratamento com larvicida

- Publicidade -

Mais de 1.500 imóveis visitados e quase 50 focos encontrados no segundo Faxinão da Dengue que aconteceu nesta quinta-feira (7), no Parque Esplanada. Os agentes de combate às endemias do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) se concentraram no Ciep Clóvis Tavares, em Nova Brasília, e de lá seguiram para o trabalho no bairro.

A mobilização atingiu as expectativas da direção do CCZ, que contou com as secretarias de Agricultura, Pecuária e Pesca; Educação, Ciência e Tecnologia; Ordem Pública, por meio do Departamento de Postura; Serviços Públicos, com equipes da Subsecretaria de Limpeza Pública, Parque e Jardins; além da Defesa Civil e a Guarda Municipal.

Foram visitados 1.723 imóveis, com 384 deles recebendo tratamento com larvicida. Também foram vistoriados e tratados 41 terrenos baldios, com 84 focos encontrados em toda a operação. Também foram recolhidos 103 pneus e cinco caixas d’água receberam telas e tratamento.

Segundo o coordenador do Programa Municipal de Controle de Vetores (PMCV), Claudemir Barcelos, o bairro é alvo de descarte irregular de lixo que, tecnicamente, os agentes chamam de inservíveis. Claudemir afirma que a população deve denunciar quando alguém descartar lixo no bairro de forma irregular.

“Pedimos à população e, principalmente aos carroceiros, para não descartar entulhos e inservíveis em terrenos baldios, pois isso é crime”, acrescentando que a Limpeza Pública estará no bairro na próxima semana para complementar o trabalho que começou a ser feito nesta quinta, com o recolhimento de lixo. “O bairro tem um alto índice de infestação e provavelmente esse pode ser um dos fatores. A população deve seguir nos ajudando e cuidando do seu imóvel”, finalizou o coordenador.

Fonte: Ascom

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS