Erupção de vulcão na Islândia perde força; veja as imagens

- Publicidade -

A erupção vulcânica no sudoeste da Islândia, que levou à evacuação de cerca de 700 pessoas de uma das principais atrações turísticas do país, está perdendo força e pode desaparecer em algumas horas, segundo cientistas citados pela Associated Press.

O vulcão entrou em erupção no sábado à noite, marcando a quarta vez em três meses.

O Gabinete Meteorológico da Islândia (Met Office) relatou hoje que a lava está se movendo em direção às áreas sul e sudeste a uma velocidade de cerca de um quilômetro por hora e pode chegar ao oceano.

Para evitar inundações nas principais estradas da região sul, foram instaladas barreiras defensivas.

De acordo com o Met Office, a erupção criou uma fissura com cerca de três quilômetros de extensão, entre as montanhas de Stóra-Skógfell e Hagafell.

Aproximadamente 700 pessoas foram retiradas do spa termal Lagoa Azul, uma das principais atrações turísticas da Islândia, quando a erupção começou, de acordo com a televisão nacional islandesa RUV.

O local da erupção fica a poucos quilômetros a nordeste de Grindavik, uma vila costeira com 3.800 habitantes, alguns dos quais foram evacuados no sábado.

A Islândia é o lar de 33 sistemas vulcânicos ativos, o maior número na Europa.

O país está localizado na Dorsal Meso-Atlântica, uma fenda no fundo do oceano que separa as placas tectônicas da Eurásia e da América do Norte, causando terremotos e erupções.

Leia Também: Vulcão islandês entra novamente em erupção. É a quarta vez desde dezembro

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS