Homem amputa pernas para receber R$ 6,5 milhões em Taiwan e é preso

- Publicidade -

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Um homem de 23 anos foi preso acusado de amputar as próprias pernas para receber indenização de R$ 6,5 milhões de empresas de seguro, em Taipei, capital de Taiwan. A prisão ocorreu na última quinta-feira (14).

Homem amputou as duas pernas para receber dinheiro do seguro. O estudante, identificado apenas pelo seu sobrenome, Zhang, foi preso por suspeita de fraude ao amputar suas pernas para resgatar cerca de 41 milhões de dólares taiwaneses (cerca de R$ 6,5 milhões de reais) de oito empresas de seguro.

Golpista teria deixado as pernas por horas em gelo seco para sofrer queimaduras por frio. O plano do estudante foi deixar suas pernas por mais de dez horas em um balde de gelo para deixá-las tão queimadas por frio que seria necessária a amputação.

Contradição com clima e ferimento gerou suspeitas. Alguns analistas de seguros desconfiaram da versão de Zhang, já que as temperaturas em Taipei estavam entre 7°C e 17°C no dia em que o homem registrou a lesão. Além disso, médicos observaram que o congelamento era simétrico demais e não havia marcas de meias ou sapatos.

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS