Morte de funcionários de ajuda humanitária em Gaza "é uma tragédia"

- Publicidade -

A organização não governamental (ONG) World Central Kitchen expressou pesar pela morte de quatro trabalhadores internacionais de ajuda humanitária em um suposto ataque aéreo israelense na Faixa de Gaza.

“É uma tragédia sabermos que membros da equipe da World Central Kitchen foram mortos em um ataque das Forças de Defesa de Israel enquanto trabalhavam para apoiar nossos esforços humanitários de entrega de alimentos em Gaza”, afirmou a porta-voz da ONG em um comunicado divulgado na segunda-feira à noite.

Linda Roth, porta-voz da ONG, ressaltou que “os trabalhadores humanitários e os civis nunca devem ser alvos”.

O Ministério da Saúde da Faixa de Gaza, controlado pelo movimento islamita palestino Hamas, relatou que o ataque resultou na morte dos quatro funcionários da ONG e de um motorista palestino após auxiliarem na distribuição de alimentos.

O suposto ataque ocorreu após as vítimas entregarem suprimentos no norte de Gaza, que haviam chegado horas antes por via marítima, vindo do Chipre.

Até o momento, as Forças de Defesa de Israel não comentaram sobre o incidente.

Navios de ajuda transportaram cerca de 400 toneladas de alimentos e suprimentos em uma operação organizada pelos Emirados Árabes Unidos e pela World Central Kitchen.

O conflito entre Israel e o movimento islamita palestino Hamas, que está em curso há quase seis meses, resultou no deslocamento da maioria da população de Gaza e deixou um terço dos habitantes do enclave à beira da fome.
 

Leia Também: Hamas “pede desculpa” à população de Gaza pelo sofrimento pela guerra

 
 
 
 
 

 

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS