Prefeita entrega reforma e ampliação da escola de Deserto Feliz

- Publicidade -

A prefeita de São Francisco de Itabapoana (SFI), Francimara Barbosa Lemos, entregou na manhã desta quarta-feira (3) a reforma e ampliação da Escola Municipal Manoel Azeredo, em Deserto Feliz. Na ocasião, ela anunciou mais investimentos para a localidade.

A unidade, que anteriormente continha somente duas salas de aula e uma secretaria, passou a contar com mais duas salas de aula, todas climatizadas, além de refeitório, banheiros para alunos e funcionários e despensas destinadas para produtos de limpeza e gêneros alimentícios.

— Estou muito feliz por esta entrega. É gratificante ver os resultados conquistados através de responsabilidade e comprometimento com dinheiro público — afirmou a prefeita. Ela destacou que a unidade recebeu ações de reforma pela última vez quando ainda era administrada pelo Governo do Estado.

De acordo com o secretário municipal de Educação e Cultura, Robson Santana, o investimento na unidade escolar foi fruto do desejo da comunidade alinhado “ao grande carinho e preocupação da prefeita com nossos alunos e funcionários”.

— Tenho muita gratidão por tantos resultados alcançados, juntamente com toda a equipe da secretaria, que tanto se dedica em prol da rede municipal de ensino — disse.

Representando a Câmara Municipal, a vereadora Yara Cinthia lembrou que a comunidade quilombola de Deserto Feliz é reconhecida pelo Governo Federal. Ao considerar a inauguração como “um momento de grande alegria”, ela destacou que os trabalhos de reforma e ampliação propiciaram mais dignidade para alunos e funcionários.

— Parabéns aos moradores por esta importante conquista. Que venham mais e mais melhorias — finalizou.

Mais investimentos — Na ocasião, a prefeita Francimara anunciou a construção em espaço anexo à unidade escolar da Cozinha Escola, que vai incentivar a produção da comunidade quilombola. Os trabalhos estão previstos para começar na primeira quinzena de abril e contemplará ainda espaço para venda dos produtos.

— Além de incentivar uma vocação dos quilombolas, vamos auxiliar para que eles participem de chamadas públicas para a aquisição de gêneros alimentícios oriundos da Agricultura Familiar — disse.

O secretário municipal de Agricultura, Enaldo Barreto, também estava presente e comunicou ainda a instalação de estufa para o projeto “Horta Nas Escolas”, que, segundo ele, valorizará a aptidão dos quilombolas locais com foco em plantas medicinais.

Enaldo explicou que a iniciativa começará em Deserto Feliz, mas, com base em parceria com a Smec, será expandida para outras unidades.

Fique por dentro!

Para ficar sabendo de tudo que acontece em Campos e região, siga o nosso instagram @ClickCampos

ÚLTIMAS NOTÍCIAS